Saudades de ti...

Sabes de que tenho saudades?
De quando conversávamos até de madrugada…
Conversas a sério…
Não estas brincadeiras que fazemos agora
De tu dizeres uma coisa e eu outra em resposta.

Foi assim que comecei a gostar de ti…

Sabes de que tenho saudades?
De quando me acontecia alguma maldade
E o mundo me fazia chorar,
E eu te mandava uma mensagem
E tu respondias com um beijo…

E bastava para doer menos…

Parece que foi há cem anos!
Tempo demais!

E fazias-me rir, e fazias-me sonhar.
E perdia-me na vontade de te beijar…

Até quase o dia começar…
De telemóvel na mão…
O coração a palpitar
Quero lá saber se para ti não era namorar…

Nomes são palavras,
E palavras são quase nada.

Sabes de que tenho saudades?
De ti.
De quem imaginei que fosses.
De mim…
De mim quando acreditava que eras o que eu sonhava…

De nós.
Nós, que nunca chegámos a ser nós…
Nós, que foi só uma miragem no deserto da minha solidão…
E no da tua solidão…

Não quero trocar meia dúzia de disparates com uma imagem que ri para mim.
Não tenho que provar que sou ardente,
Fogosa…

Quero de volta o que éramos
Quando não me sentia um macaco a pedir amendoins…

Sabes de que tenho saudades?

De quando comecei a gostar de ti…

Comentários

  1. Escreves coisas giras que gosto de ler
    Bjinhos
    "Olhos Azuis"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito contente por saber que gostas, Olhos Azuis! Um beijinho muito grande para ti, e obrigada pelo comentário!

      Eliminar
  2. Porfiando se conquista, hás-de lá chegar Glorinha, Tu mereces bjcas.
    Victor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Victor Quaresma! Espero bem que sim:) Beijocas para ti, e um xi <3 apertadinho!

      Eliminar
  3. Não quero trocar meia dúzia de disparates com uma imagem que ri para mim.

    Não tenho que provar que sou ardente,

    Fogosa…

    Fogosa, pois, e não digo mais nada, apenas sinto para mim....ahahahahah para disfarçar,,,,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. para disfarçar:))) Nem sei, acho que sim...
      Obrigada pelo comentário, Henrique! Beijinho grande para ti, da menina bonita!

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Não, São! Qualquer semelhança com a realidade, é pura coincidência:)) Beijinhos!

      Eliminar
  5. Palavras que, deixam transparecer a vivencia e a vontade de viver. O passado é algo que não se deita fora. Seja bom ou mau, faz parte de cada um de nós. Camnho de vida vivida. GOSTEI muito de ler " Saudades de Ti"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Anónimo! O passado foi o que nos fez assim, como somos. Vai ter sempre um lugar muito importante na nossa história de vida. Beijinho, e obrigada pelo comentário!

      Eliminar
  6. "Romântica" versus "Lonesome Cowboy"
    ...recordando aquele momento em que dois trajectos divergentes se cruzam!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cruzam-se, cheiram-se, roçam-se e ficam perto, tão perto... Depois... O cowboy casa com o cavalo como sempre, e a romântica não desiste de esperar que o pó da estrada seja ele a voltar...
      Beijinhos, FM! Obrigada pelo comentário!

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Espelhos da alma- Oferece se fores ajudar

Contaram-me todas as coisas

O cantinho da velha