sonhando, escrevendo e imaginando

domingo, 9 de junho de 2013

Se quiseres...

Olhos sem vida…
Se quiseres, passa-me por cima.

Nem grande, nem pequeno,
Um cão rafeiro.
Magricelas e mal tratado…

Atravessou em frente do meu carro.
Devagar,
Numa indiferença sem tamanho, nem consciência.

Olhou,
Eu sei que olhou.
Se quiseres, passa-me por cima.

Sem se importar…
Cansado de ter cuidado com os carros.
Cansado de ter medo.

Jacob...

Viola ao ombro,
Mochila ás costas,
Pé no mundo.

Olha o comboio!
Que se dane o comboio…

Olhou…
Farto de correr.

Se quiseres, passa-me por cima.

Um abraço de frente.
O comboio levou-o.
A ele,
A viola e a mochila.

O cão olhou para mim.
Sei que olhou.
Estava escuro, mas eu vi!

Segue o teu caminho cãozinho cansado.
Talvez seja essa a estrada que te leva a algum lado.

Jacob…

Olha o comboio! Cuidado…


Agora já quero… vamos dar a volta ao mundo…

2 comentários:

  1. Compartilho, vamos dar a volta ao mundo... bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos, Henrique! Só se for agora:)) Calha tão bem, que ainda nem bebi café hoje, nem nada:)) Arrancamos já para lá!
      Obrigada, Henrique, pelo comentário! Beijinho muito grande para ti, da menina bonita!

      Eliminar