sonhando, escrevendo e imaginando

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Dourar a chuva

Chuva dourada...

Andar à chuva é tão bom!
Bom como fazer xixi pelas pernas abaixo.

Verdade!
Sensação de liberdade!

Guarda-chuva,
Gabardina,
Casacão…
Apanhar chuva, isso não!

Fechar a porta da casa de banho,
Descer a tampa da sanita,
Lavar as mãos com sabão…
Menina bonita.
Mas pelas pernas abaixo, isso é que não!

Ah, não?

Sim!
Posso sim!

É meu o corpo molhado de chuva, molhado de tesão!
É minha a vontade de fazer xixi em qualquer ocasião!
Até no chão.

Frio e quente,
Os dois a descer,
Os dois a meus pés,
Como amor acabado de fazer.

Poucas coisas na vida dão mais prazer.

Deixar molhar,
Deixar acontecer.

Dourar a chuva quando tiver que ser.

2 comentários:

  1. Sentidos à flor da pele. Acho que é uma das formas mais gostosas de se viver. Obrigada, Carlos! Bjs

    ResponderEliminar