sonhando, escrevendo e imaginando

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Gosto...



Gosto…
De uma carícia lenta
Quando a alça do vestido cai
De ver olhos que sorriem
Sentir o calor da chávena do café na mão
Aprender de cor a letra de uma canção

Gosto…
De beijos demorados
Pessoas que dão sem pensar em pedir
Cócegas na alma quando rio sem parar
Um braço em redor da minha cintura
Sair de manhã e ter todas as ruas para andar

Quero…
Ter sempre desejos e esperanças
Desembrulhar cada dia como se fosse um presente precioso
Dormir toda a noite sem medo de acordar
Um jardim florido com cheiro a relva acabadinha de cortar
Ter a cama só para mim de vez em quando

Podes…
Ter paciência quando não quero falar
Fumar só à janela
Usar fato e gravata pelo menos uma vez por semana
Levares-me a um motel com colchão de água
Não me pedir mais do que tenho para dar

Um dia…
Vou morar ao fundo do arco-íris
Vou voltar para casa
Vou aprender a nadar.
Vou aprender a andar de bicicleta
Vou ter com quem me levava sempre a passear.

Hoje…
Vou a Benfica almoçar.

E amanhã…
Nem sei se vou cá estar.


10 comentários:

  1. Tanto que tens aqui para me ensinar e tanto para aqrender, outras para parti-lhar, na verdade certeza também só tenho uma, a incerteza de amanhã também cá estar.....Sabes como gosto de ti e dos teus poemas......Não fujas.....Bjn

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Quim Teixeira! Obrigada! Eu também gosto muito de ti e dos teus comentários. E também espero que não fujas. Pelo menos não para muito longe. Um beijinho muito grande

      Eliminar
  2. Magnifico, amei passear por aqui.
    Beijo carinhoso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Cristina Sousa. Fico contente em saber que gostou. Venha sempre. Beijinhos

      Eliminar
  3. Parabéns pela criatividade e inspiração. Te admiro muito.
    Beijos
    Durval - Santo André/SP - Brasil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Beijinho também para si e muito obrigada! Que bom que gostou!

      Eliminar
  4. Parabéns pela criatividade e inspiração. Te admiro muito.
    Beijos
    Durval - Santo André/SP - Brasil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Durval, obrigada mais uma vez :) Um beijinho para ti, não tinha percebido que o comentário de cima era teu.

      Eliminar
  5. Como a vida por vezes nos prega partidas e esta é uma delas, então tu és Moçambicana e pelas minhas contas nascestes entre 1969 e 1971, ano em que eu me encontrava em Lourenço Marques, não sei nem me recordo como nos tornamos amigos pelo Facebook, mas hoje tive uma surpresa ao verificar o teu blog SONHANDO, ESCREVENDO E IMAGINANDO, é sempre belo o sonhar e o imaginar, continua assim amiga que está no bom caminho. bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Fernando Ribeiro
      Sou moçambicana sim :) Nasci em Lourenço Marques em 1967 e vim-me embora em 77 com a minha família. Era uma linda terra e tenho muitas saudades de tudo por lá. Acho que tenho saudades do tempo em que tudo era para sempre... Nunca mais voltei a sentir que pertencesse a algum lugar desde que saí de LM.
      Também não me lembro como ficámos amigos no facebook, mas seja lá como foi, ainda bem que foi. Fico muito contente por teres gostado do meu blogue e por teres deixado um comentário bonito. Gostava de ter essa certeza, de estar no bom caminho...
      Beijinhos, obrigada e como se dizia em LM, tátá

      Eliminar